O que você precisa saber sobre Grau de Proteção IP e Grau de Resistência Mecânica IK

Grau de proteção IP e Grau de resistência IK

Inscreva-se em nosso blog!
Fique por dentro de todas as novidades

O grau de proteção IP e o grau de resistência mecânica IK são informações importantes de se observar no momento de comprar componentes elétricos industriais, como motores, painéis e tomadas, por exemplo.

Esses dados seguem padrões internacionais para comprovar a segurança de um produto em relação ao contato com partículas sólidas e líquidas ou à resistência ao impacto.

Diante disso, se você quer saber exatamente o que é este grau de proteção, como ele funciona e qual é a sua escala, continue a leitura porque esclarecemos as principais dúvidas sobre o assunto.

Grau de proteção IP

O grau de proteção IP segue o padrão da Comissão Eletrotécnica Internacional (IEC) para mostrar o quanto um produto resiste ao contato com partículas sólidas e líquidas, por exemplo, água e poeira.

Assim, se você já tem um espaço de instalação definido, é necessário avaliar os agentes externos presentes nele, para obter o IP necessário para os componentes elétricos oferecerem a devida segurança para o bom funcionamento e a durabilidade de uma instalação elétrica.

O maior IP que se pode atingir é o IP 68. Assim, todos os componentes elétricos com este grau de proteção apresentam um alto índice de proteção contra partículas líquidas e sólidas. 

Escala de grau IP

A classificação IP varia de 00 a 68. Cada número representa uma proteção a mais, seguindo os padrões internacionais.

Na tabela de proteção IP, o primeiro algarismo mostra o grau de proteção contra penetração de partículas sólidas. Já o segundo numeral indica o grau de penetração contra partículas líquidas e sua capacidade de submersão.

Assim, um equipamento com IP00 apresenta proteção nula contra qualquer partícula estranha. 

Em relação ao primeiro algarismo, o número 1 indica segurança contra partículas sólidas maiores do que 50 mm de diâmetro. Já o número 2 garante a proteção de partículas maiores do que 12 mm de diâmetro. 

Assim segue até o número 6, que, por sua vez, mostra um componente protegido até mesmo contra partículas de poeira.

Para o segundo numeral que representa a proteção contra partículas líquidas, o número 1 indica segurança contra partículas em queda vertical, enquanto o 2 protege contra partículas em queda com inclinação de até 15°. 

Tal segurança segue aumentando até o número 8, que garante a resistência à submersão.

É muito comum procurar essas especificações em tomadas industriais, as quais podem estar expostas a ação do tempo em ambientes externos. A Famatel Brasil oferece uma ampla linha de tomadas móveis, fixas, de embutir e com bloqueio mecânico em IP44 e IP67. 

Então realize um orçamento clicando abaixo.

➔ ATENÇÃO: Faça AGORA o orçamento para adquirir a TOMADA INDUSTRIAL SPEED PRO.

Resistência à água

Através desta classificação IP, é possível identificar a resistência à água de um componente elétrico.

Essa resistência ocorre quando o componente sofre influência de umidade sem ser danificado. Porém, isso não contempla casos de grande quantidade de água, como quando o objeto está submerso por um longo período de tempo em uma grande profundidade.

Geralmente, componentes elétricos com grau de proteção à água de 4 até 6 são considerados resistentes à água, suportando jatos potentes sem correr risco de ser danificados pela ação de partículas líquidas.

À prova d’água

Da mesma maneira, há os componentes elétricos à prova d’água. Nesses casos, o componente está seguro contra qualquer contato com partículas líquidas, podendo ficar, inclusive, submerso.

Para isso, o índice de proteção IP deve ser superior ou igual a 7

Esses componentes devem ser utilizados sempre que o ambiente da instalação elétrica exija. Somente assim é possível garantir uma instalação segura.

É válido lembrar que certos casos também exigem outras certificações. Quando falamos em um aparelho usado na praia, por exemplo, ele também precisa apresentar segurança contra salinidade e poeira.

Grau de proteção e sua importância na indústria 

Os graus de proteção de penetração e de resistência a impactos são um dos principais indicadores na montagem de uma instalação elétrica industrial. Assim, painéis de disjuntores e de tomadas, quadros de comando e tomadas industriais devem seguir à risca a necessidade do ambiente.

Para as tomadas industriais são duas possíveis aplicações, IP44 e IP67, conforme disponível na linha de tomadas speed PRO. São mais de 200 modelos com variações de aplicação móvel, para embutir e sobreposição.

As caixas de sobrepor para montagem de painel de tomadas, por exemplo, podem ser encontradas em IP55 e IP65, na linha Acqua COMBI, Acqua+ e as caixas de passagem Acqua mini e Acqua BOX.

Os quadros de comando, por sua vez, são usualmente procurados com grau de proteção IP65 para garantir a proteção contra partículas sólidas e líquidas em ambientes externos. A Famatel oferece a linha MAGNA de quadros de comando com grau IP65 e IK08 ou IK10.

Quadro de comando Magna

Grau de proteção IK

Há também o grau de proteção IK, que representa o nível de proteção contra impactos.

Caso o aparelho caia ou receba um impacto, por exemplo, esse índice mostra se o componente tem ou não chance de se danificar.

Assim, quanto maior o grau de impacto IK, maior a segurança e qualidade do produto

Esse nível varia entre 0 e 10. Assim, um equipamento com IK 00 não oferece proteção contra impacto, enquanto um produto com IK 08 resiste ao impacto equivalente à 1,7 kg a uma distância de 295mm.

É importante ressaltar que proteção IK e proteção IP são dados diferentes e ambos têm grande importância para indicar a qualidade de um produto, conforme a sua aplicação.

Importância dos componentes elétricos com grau de proteção IK

Quando falamos em componentes elétricos, é muito importante que eles ofereçam um alto grau de proteção IK. Em resumo, o grau IK garante que o componente não seja danificado mecanicamente (estruturalmente).

Um componente com grau de proteção IK 10 suporta um impacto de 20 Joules, o que representa um objeto de 5 kg caindo a uma altura de 400 milímetros.

Dependendo do ambiente em que sua instalação elétrica estiver exposta, é muito importante adquirir componentes com alto grau de impacto contra impacto IK, para garantir a segurança, qualidade e o bom funcionamento da instalação.

Escala de grau IK

Assim, como já comentamos, a escala de grau IK varia entre 0 e 10. Quanto maior essa numeração, mais proteção contra impacto está envolvida.

Diante disso, o IK01 suporta 0,15 Joules. Já o IK02, 0,2 Joules. Quando falamos do IK03, ele aguenta um impacto de 0,35 Joules. E isso segue até o IK10, o maior nível de proteção oferecido, suportando 20 J. 

Para ilustrar, 0,15 Joules correspondem a um objeto de 200 gramas se locomovendo a uma distância de 70 mm, enquanto 10 Joules é o impacto de um objeto de 5 kg percorrendo um caminho de 200 mm.

➔ ATENÇÃO: Faça AGORA o orçamento para adquirir os PAINÉIS DE SOBREPOR IP65 ACQUA COMBI.

Conclusão

O grau de proteção IP e o índice IK são fatores essenciais para serem analisados antes de comprar um equipamento.

Afinal, cada modelo tem sua especificidade e, por isso, recomendamos que avalie o espaço para instalação do produto e quais são as suas necessidades antes de comprá-lo. 

Inscreva-se em nosso blog!
Fique por dentro de todas as novidades

Mais artigos do blog Famatel

2 respostas para “O que você precisa saber sobre Grau de Proteção IP e Grau de Resistência Mecânica IK”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.