Principais riscos e pontos de atenção em instalações provisórias

Capa principais riscos e pontos de atenção em instalações e provisórias

Inscreva-se em nosso blog!
Fique por dentro de todas as novidades

A construção civil depende do uso de instalações provisórias para poder operar suas atividades de edificações. Todo canteiro de obra conta com essas estruturas que garantem suporte às atividades.

Apesar de serem temporárias, essas instalações precisam de um bom projeto, planejamento e cronograma de montagem e desmonte. 

Seja para elaborar um layout que atenda às necessidades da obra e dos trabalhadores, seja para ser eficiente, sustentável e gerar segurança e bem-estar aos envolvidos, tudo tem que ser muito bem pensado.

Por isso, é fundamental seguir recomendações técnicas e ficar atento às novidades que surgem quanto a tecnologias de sustentabilidade e segurança.

Pensando nisso, elaboramos este artigo com informações para ajudar você a planejar suas instalações provisórias em canteiros de obras.

Construção montagem - Blog Famatel

O que são instalações provisórias?

Todo canteiro de obras precisa de instalações provisórias, estruturas de suporte específicas enquanto as edificações estão sendo construídas.

Essas instalações abrangem todo o trabalho, a produção e a administração da obra, desde as áreas de construção e apoio às obras, bem como áreas operacionais, de vivência e lazer.

Uma vez finalizada a obra, essas estruturas são desmontadas, já que não há mais necessidade de seu uso operacional. 

As estruturas temporárias devem atender às normas regulamentadoras NR 18 e NBR 12284 (NB 1367). Isso garante a segurança dos trabalhadores e defende seus direitos. Além de proteger contra perdas financeiras e riscos.

Essas construções provisórias tendem a ser um dos itens mais observados pelo Ministério do Trabalho em suas inspeções, pois está diretamente ligada à segurança de todos na obra.

Por isso, é importante entender e seguir as normas referentes às instalações temporárias como as citadas NBR 12284 (NB 1367) e NR 18. Essas regras ditam o que deve constar na lista de equipamentos e itens obrigatórios de um canteiro.

Dentre os ambientes que compõem as instalações, estão:

  • Instalações sanitárias;
  • Cozinhas
  • Vestiários;
  • Refeitórios;
  • Ambulatórios;
  • Alojamentos;
  • Lavanderias;
  • Áreas de lazer. 

Nesses espaços, projetos elétricos e hidráulicos temporários devem ser construídos segundo as normas, para que o canteiro de obras possa ser desenvolvido sem incidentes.

A utilização de instalações provisórias que sigam as orientações garante uma forma segura de realizar o trabalho, uma vez que não requer improvisação. Isso resulta na redução de correção de erros e menos lesões no local de trabalho.

Além disso, é importante acompanhar as leis regionais, como os editais sobre a gestão regional de resíduos ambientais para não cometer erros nem crimes ambientais. 

Montagem provisória - Blog Famatel

Quais são as principais dificuldades e riscos das instalações provisórias?

Um canteiro de obras, conforme especifica a NR 18, é a “área de trabalho fixa e temporária, onde se desenvolvem operações de apoio e execução de uma obra”.

E, conforme complementa a NB 1367, corresponde ao conjunto de “áreas destinadas à execução e apoio dos trabalhos da indústria da construção, dividindo-se em áreas operacionais e áreas de vivência”.

Entre as principais dificuldades relatadas pelos profissionais da construção civil nos canteiros de obra, as mais comuns são:

  • Desperdício de materiais e serviços;
  • Resíduos gerados;
  • Dificuldades de adequação às normas brasileiras;
  • Qualidade da mão de obra disponível;
  • Mau planejamento das instalações dos canteiros.

Os canteiros de obras devem proporcionar aos trabalhadores condições mínimas de trabalho, como instalações sanitárias, água potável e ventilação adequada. 

Além disso, devem prever a destinação adequada de resíduos orgânicos e inorgânicos no local consoante as normas.

Cuidados com as instalações elétricas provisórias

Acidentes em instalações elétricas provisórias são um grande problema. Além de serem fatais, em muitos casos.

Porém, uma instalação, mesmo sendo provisória, pode ser segura para os profissionais da construção civil.

A corrente elétrica e diferença de potencial elétrico são invisíveis aos olhos dos trabalhadores, e isso gera muito risco de acidente com quem trabalha com esses tipos de instalações.

Ainda que não seja um dos acidentes mais recorrentes na construção civil, é o mais fatal: entre 2013 e 2021, 519 profissionais morreram por conta de choques elétricos.

Locais de maior risco de acidentes com energia elétrica são:

  • Quadros de Distribuição, Terminal e Medição;
  • Dispositivos de Proteção e Manobra;
  • Instalações Aéreas;
  • Instalações Subterrâneas;
  • Plugues e Tomadas;
  • Iluminação Provisória;
  • Máquinas e Equipamentos.

É importante garantir a segurança dos trabalhadores quando instalações elétricas provisórias são necessárias para um projeto de construção civil. 

Algo temporário não deve ser improvisado, inseguro ou precário. É preciso garantir que todos que dependem do uso dessas instalações estejam protegidos e que os trabalhadores as usem com segurança.

Aqui no blog da Famatel elaboramos um guia para fazer instalações elétricas provisórias seguras em seu canteiro de obras. 

Confira: O que você deve se atentar em uma instalação elétrica em canteiro de obras.

ACQUA COMBI

Mesmo sendo uma instalação provisória, são necessários componentes e equipamentos de qualidade para ser seguro os trabalhos efetuados ali.

Com isso em mente, a Famatel possuí a linha de painéis de sobrepor ACQUA COMBI. Fabricadas em estrutura e base em ABS, a linha possuí alta resistência contra impactos, resistência térmica, totalmente livres de halogênios e gases tóxicos. 

O que pede atenção em uma instalação provisória?

Para manter os canteiros de obras funcionando com eficiência e melhorar o progresso da construção, alguns tipos de instalações provisórias precisam ser criadas.

Uma construtora que visa manter a conformidade com as leis, regulamentos e procedimentos existentes deve entender que o progresso pode exigir muita atenção.

Atualmente, a construção civil tem considerado cada vez mais incorporar aspectos de sustentabilidade em seus canteiros de obra. 

Isso começa antes mesmo do início da construção, no processo de planejamento. Essas práticas vão até à reciclagem dos materiais quando a estrutura é desconstruída.

Múltiplas mudanças no layout do canteiro ocorrem durante o processo de produção. Isso inclui mudanças nas áreas de vivência e administrativas, que fazem parte de um ciclo de produção mais amplo. 

Estes edifícios são construídos, depois demolidos e reconstruídos. Nesse processo é preciso se atentar à geração de entulho e desperdício. 

O ideal é aproveitar ao máximo as estruturas que podem ser recicladas ou reutilizadas. Isso é mais rentável e gera menos impacto ambiental.

As estruturas temporárias podem ser construídas a partir de componentes recicláveis, reutilizáveis e baratos, com custos ambientais mínimos.

Os espaços de trabalho temporários requerem um sistema construtivo facilmente reutilizável que atenda a critérios específicos. Esses sistemas existem atualmente no mercado e se prestam ao uso e funcionalidade adequados.

Instalações temporárias: garantia da segurança e bem-estar do trabalhador

Além do aspecto ambiental, questões sociais também têm grande peso nas decisões sobre as instalações provisórias em obras. A preocupação com o bem-estar dos trabalhadores é uma pauta frequente. 

Isso porque locais de trabalho que oferecem mais espaço de vivência e garantem a segurança aumentam o moral dos funcionários e diminuem a probabilidade de sofrer acidentes.

Ao se considerar que por um período de 9 horas os trabalhadores permanecem em um canteiro de obras, é essencial que se considere suas condições de trabalho. 

Assim, planejar ao máximo as condições de trabalho durante a fase de projeto é crucial. Maximizar o conforto e a satisfação dos trabalhadores é necessário ao projetar ambientes de trabalho.

Portanto, ao planejar e construir instalações provisórias em canteiros de obras, a determinação dos custos envolvidos, a sustentabilidade a longo prazo dos materiais e o bem-estar e segurança dos trabalhadores são considerações fundamentais.

Sempre conheça as normas técnicas e respeite a legislação! Uma instalação pode ser temporária, mas em momento nenhum ela precisa ser negligente. 

Reaction Yes GIF by Paper Triangles - Find & Share on GIPHY

Gostou do conteúdo?

Neste texto, você conseguiu entender a funcionalidade das instalações provisórias e alguns pontos importantes sobre ela. Nosso blog conta com outros conteúdos importantes para te ajudar no dia a dia! 

Aproveite para ler também Quais componentes devem estar presentes em um quadro de disjuntores?

Inscreva-se em nosso blog!
Fique por dentro de todas as novidades

Mais artigos do blog Famatel

Os comentários estão desativados.